10 de jun de 2012

Espera

olhar perdido
peito apertado, sufocado por um choro reprimido e sem sentido
sensação de que algo essencial à sua existência se perdeu em algum momento
viver se torna uma eterna espera
espera por respostas que só ela pode dar a si mesma
tudo ou quase tudo é incerto
só a espera é uma certeza
o barulho do vento forte, soa em seus ouvidos como uma música despertando um turbilhão de emoções sem razão de ser
o tempo passa lentamente como que para aumentar ainda mais sua angústia
o segredo então, é esperar as respostas chegarem, para quem sabe, acalmar esse ser que chora.



Val Araújo




2 comentários:

  1. Oi Val, que espera....
    Tenha uma excelente semana!

    beijinssss.

    ResponderExcluir
  2. Nossa flor!!

    Falou ai um sentimento que sempre tenho, essa necessidade de buscar algo sem saber o que...e falou lindamente!!

    bjos

    ResponderExcluir